19 dezembro 2012

SSOME+: Movimento Estudantil Alfa e Ômega arrecada alimento e água potável para famílias expostas à seca

SSOME+: Movimento Estudantil Alfa e Ômega arrecada alimento e água potável para famílias expostas à seca
O Movimento Estudantil Alfa e Ômega é formado por um grupo de estudantes universitários cristãos cearenses, e está realizando a Semana de Solidariedade nos campi da UFC, UECE, UNIFOR e IFCE.
Com o objetivo de ajudar instituições que trabalham com dependentes químicos e com famílias vítimas da seca no interior do estado, a campanha é chamada de SSOME+.
O alvo da campanha é a arrecadação de alimentos e água potável para fornecer ás famílias do semiárido cearense.
De acordo com Renato Silva, um dos participantes do projeto, a ação social é organizada e conta com apoio das esferas de governo: “Contamos com autorização dessas universidades e fizemos parceria com a Defesa Civil e com o Corpo de Bombeiros. Mas não nos limitamos apenas ao ambiente acadêmico, pretendemos estender a campanha para toda cidade”.
Segundo Silva, “o Ceará enfrenta a pior seca desde 1950; 168 municípios decretaram estado de emergência e muitas vidas têm sofrido com a dependência das drogas. Acreditamos que o papel da Universidade é bem mais que um espaço de formação profissional, produção de conhecimento e sua disseminação. Ela possui a função de desenvolvimento do bem-estar físico, social e espiritual, viabilizando a relação transformadora entre Universidade e sociedade”.
A campanha SSOME+ direcionará os donativos arrecadados para as entidades responsáveis por gerir situações de emergência, como a Coordenadoria da Defesa Civil e a Casa de Recuperação Casa do Oleiro, que é uma instituição sem fins lucrativos, dedicada à reabilitação de dependentes químicos.
Segundo Renato Silva, até o dia 07/12, estão sendo recebidas doações no Centro de Humanidades da UECE e no IFCE; e nos dias 10 a 14/12, na UFC (Campi Benfica, Pici e Porangabussu).

Breve Histórico

O Movimento Estudantil Alfa e Ômega surgiu em 1951 na Universidade da Califórnia, fundada por Bill e Vonette Bright. Hoje está presente em mais de 190 países. No Brasil está presente desde 1970, na maior parte dos estados da federação. Em Fortaleza está presente há 17 anos nos campi de Fortaleza (Benfica, Picí e Porangabussú) e Sobral, da Universidade Federal do Ceará; nos campi do Itaperí e Centro de Humanidades da Universidade Estadual do Ceará; na Universidade de Fortaleza; no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará e em outras faculdades do estado.
O Movimento Estudantil Alfa e Ômega constituído por estudantes de diversos cursos e diversas Instituições de Ensino Superior promovem atividades que sejam culturalmente e socialmente relevantes para a comunidade acadêmica e para a sociedade, como recentemente a Calourada Pela Paz que já caminha para sua quarta edição. É possível transformar a sociedade. Os futuros líderes dela estão na Universidade. Acreditamos que essa transformação começa também com os universitários de hoje.
Para saber mais sobre a atual campanha SSOME+, ou até para descobrir meios seguros de colaborar com a iniciativa, entre em contato com Renato Silva, através do número (85) 8783 – 7549.
Por Tiago Chagas

Nenhum comentário:

Postar um comentário