16 março 2013

 'Reteté' dentro de um metrô: Você participaria? 

 

  Alguém pode achar que isso é transbordamento do Espírito. Só que as coisas de Deus não foram feitas para a ridicularização. Sapatear e gritar de forma descontrolada, criar movimentos típicos do reteté, sair girando e correndo dentro do vagão, verberar contra os seguranças do metrô... Será que isso é a atitude correta para os crentes?



As pessoas não são convencidas pelo Evangelho no grito, na afronta, na ameaça do inferno. Isso é um prato cheio para os depreciadores. Já não basta o que se faz dentro de determinados templos, onde tiram boa parte da reunião para os caprichos do reteté. Não satisfeitos, querem levar esse tipo de coisa para todos os lugares públicos.


Jesus veio para confundir os sábios, mas não veio para tirar nossa inteligência. A vida cristã não é só sair marchando em metrô, praça pública, colégio, etc. Pregar o Evangelho é uma coisa. A cena pitoresca do vídeo é outra. O testemunho e os frutos valem muito mais do que qualquer movimento exagerado feito esse aí. Não sei vocês, mas eu agiria da mesma forma do segurança no último segundo do vídeo.

Essa bagunça, demorou e muito, até que os seguranças chegaram para colocarem ordem.

Quem não tem a Jesus, jamais vai quere-Lo, diante desse movimento, onde só há horrores. Isso aí já chega perto de um desequilíbrio mental.

Misericórdia.

Abraços.

Vivam vencendo!!!

Seu irmão menor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário