20 julho 2013

Jean Wyllys e sua baixa remuneração

Jean-Wyllys- 
Sempre que se fala mal do deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), a tentativa de desconstrução da crítica procura apontar o acusador como “homofóbico”, “fundamentalista cristão” ou coisas do tipo. Então deixo claro: não sou cristão e sou a favor da criminalização da homofobia. Não através da lei que o nobre deputado defende, mas isso é assunto para outra hora…
Pois bem, o deputado Jean Wyllys disse em uma entrevista, que considera seu salário de parlamentar baixo para “o tanto que ele trabalha” e ainda questionou o fato de a sociedade reclamar do salário dos parlamentares ao invés de reclamar do salário dos grandes executivos, uma bobagem, já que mais de 90% das empresas brasileiras são micro, pequenas e médias.
Jean Wyllys possui salário de R$ 26.723,13, isso significa que em quatro anos de mandato ele embolsará R$ 1.282.710,24. Segundo sua fala, descontados os impostos, ele recebe R$ 15 mil por mês, o que lhe garante no mínimo R$ 720 mil reais em quatro anos! Isso o deixa no topo de nossa pirâmide social, segundo o IBGE.
Será que é pouco? Não, não é! O parlamentar brasileiro é o SEGUNDO mais caro do mundo, ficando atrás apenas do custo do congressista dos E.U.A.. Vale lembrar que os E.U.A. possuem um P.I.B. de US$ 15 trilhões, enquanto o do Brasil vale US$ 2,3 trilhões.
Há agravantes, hoje existem 22 milhões de pessoas em situação de miséria no Brasil, segundo a FAO 13 milhões de pessoas estão em situação de fome ou desnutrição por aqui.
Sendo assim, fui procurar saber se estava realmente difícil a vida do parlamentar, primeiro é preciso lembrar que além dos 39 salários de renda, o deputado recebe auxílio moradia por reembolso.
Entrando na página de transparência da Câmara Federal, pude ter algumas surpresas, confiram:
cota jean
Nossa excelência, além de ter gastos efetuados em café de aeroporto pagos com dinheiro público, pediu reembolso de R$ 202,62 de uma refeição feita à beira da praia.
cota jean2
Os gastos excessivos em alimentação são corriqueiros, nosso congressista ex-BBB considera ético que a população pague R$ 150 gastos por ele em uma churrascaria.
cota jean3
É escandaloso que em um país onde idosos são jogados em corredores de hospitais sem macas, um parlamentar peça reembolso de R$ 5,60! Também podemos ver gastos excessivos em restaurantes, dessa vez R$ 122,18 no “Pobre Jean Restaurante”.
Lembremos que o salário mínimo hoje vale R$ 678,00 e Jean Wyllys recebe 39 salários, o deputado carioca também é colunista da revista CartaCapital, o que eu tenho certeza ser suficiente pra que ele não peça reembolso de alimentações.
cota jean4
cota jean5
O deputado também consegue receber reembolso de gastos sem nota, além de ter despesas em que ele apresenta somente recibos.
Procurando não ser injusto com a excelência, fui pesquisar as despesas de outros parlamentares. Descobri que Jean Wyllys é um dos congressistas que mais gastam cota, figurando em 56º entre 513º deputados.
Quem já não gostava da atuação do deputado por motivos ideológicos, certamente agora possui outros motivos, quem gostava, lamento a decepção. Como todo deputado possui uma biografia anterior a atividade parlamentar, eu recomendo dar uma passada no Conjur.
Saber separar o privado do público é essencial, moralidade na vida pública é inegociável. Desconfie daqueles que relativizam a ética, sempre.
Saibam todos: a Reaçonaria não combate apenas os petistas, combate também os tetistas!
*incluindo 13º , 14º e 15º dos anos 2011 e 2012 e incluindo o 13o de 2013 e 2014.
[Fonte: Reaconaria]

Nenhum comentário:

Postar um comentário