17 fevereiro 2014

“Deixe Jesus ser o centro da sua vida”, aconselha Fernandinho

Congressistas despedem-se da Conferência com mais sede de Deus
_DSC7500
Louvores, animação, quebrantamento e busca pela presença do Senhor, marcaram o encerramento da Conferência Profética Clamor pelas Nações 2014, realizada na Igreja Batista da Lagoinha.

Os congressistas contaram com a presença do cantor, pastor e líder do Ministério “Faz Chover”, Fernandinho, que ministrou diversas canções como “A Alegria do Senhor é a Nossa Força”, “Teus Sonhos”, “Nada Além do Sangue”, entre outras; e também a mensagem de Deus com o tema “Deixe Jesus ser o centro da sua vida”.
Ministração da Palavra
“Não existe adoração sem Jesus. Não adianta você subir montes, tomar água consagrada, ler livros e livros sobre a Palavra de Deus; entre outras coisas, se você não tiver Cristo em sua vida. Só Jesus é o caminho, a verdade e a vida e, apenas por meio Dele, você realmente conhecerá o verdadeiro evangelho”, ministrou.
_DSC7582
De acordo com Fernandinho, todos querem Jesus, mas poucos estão dispostos a pagar o preço para ter a Sua presença. “Você deseja Cristo em sua vida? Você deseja receber as bênçãos que Ele pode dar-te? Mas, você está com disposição para carregar a cruz? Você está disposto a renunciar as suas vontades para que a vontade de Jesus prevaleça em sua vida? Você está disposto a abrir mão dos seus sonhos para viver os projetos e planos de Cristo?, questionou.

“Irmãos, se Cristo não estiver em sua vida e no centro dela, nada faz sentido. Atualmente, temos vivido um evangelho em que as igrejas criam diversos ministérios, realizam inúmeras reuniões, traçam metas para multiplicar células, produzem festas para atrair e segurar jovens na igreja, entre outras ações, mas estão esquecendo-se de Jesus e, que Ele deve ser a principal motivação de qualquer propósito”, relatou.
Posteriormente, o pastor ressaltou algumas condutas que precisam ser corrigidas na vida de alguns Cristãos. “Hoje, temos vistos certos irmãos que vem a igreja no domingo, levantam as mãos em adoração ao Senhor, mas na segunda-feira, essas mesmas mãos dão um cheque sem fundo; o mesmo corpo que vai à igreja é aquele que frequenta diversos motéis e envolve com uma pessoa que não é seu marido ou esposa”, exortou.
_DSC7724
“Queridos, é chegada a hora de você deixar o fogo de Deus queimar em seu coração. É o momento de você morrer para si mesmo e voltar ao seu primeiro amor por Jesus. Abra a mão das suas vontades e permita que apenas Jesus seja o centro da sua vida, o seu alvo a ser alcançado, o seu tesouro mais precioso, e a razão do seu viver”, aconselhou.

Na sequência, ao som das canções “Caía Fogo” e “Acende Um Fogo”, entre outras, os congressistas renderam-se totalmente a presença a Deus; e entraram na última noite da conferência.  “Caia fogo dos céus; queima esse altar; mostra pra esse povo; que há Deus em Israel”, cantaram.
Você já encontrou e cavou seu poço?
Após esse momento de adoração, tendo como base a passagem bíblica Gênesis 26, o pastor Ricardo Robortella ministrou a Palavra de Deus, que teve como tema “Ciúmes”.
“Querido, você fica feliz quando Deus abençoa a vida de seu irmão?, questionou o pastor? Muitas vezes, temos deparado com situações em um irmão não fica feliz com o sucesso ou ascensão de seu próximo, mas pelo contrário, deixa que o ciúmes entre em seu coração”, comentou.
_DSC7916
Porém, de acordo com Robortella, não há necessidade dos cristãos terem esse sentimento em seus corações. “Amado, Deus tem um poço cheio de águas vivas disponível para cada um de nós, basta apenas você está disposto a cavá-lo. Se seu irmão já achou o dele, começou a cavá-lo e, até mesmo, encontrou sua fonte de água, não tenha ciúmes disso. No entanto, faça como ele e saía à procura do seu poço”, orientou.

“Irmãos, o Senhor tem nos chamado para sermos cavadores de poços e esses poços não irão apenas nos abençoar, mas também abençoarão a vida de muitas pessoas e nações,  por meio da união das nossas fontes de água. Faça com que do seu poço possa jorrar águas, as quais irão fluir e molhar a vida daqueles que estão ao seu redor. Ao invés de ter ciúmes do poço do seu irmão e traçar planos para entulhá-lo, junte-se a ele a procura de novos poços e unam suas fontes”, aconselhou.
Ainda segundo Ricardo, não adianta você querer cavar um poço que não te pertence. “Não perca o seu tempo cavando um poço que o Senhor não te deu. Você deve procurar e cavar o seu próprio poço. A identidade do poço do seu irmão é diferente da sua. Você deve cavar o poço que está alinhado com a sua identidade. Quando você cava o poço que não te pertence, na verdade, você o entulha, ao invés de fazer com que dele flua fontes de águas vivas”, alertou.
_DSC7691
“Amado, peça a Deus para mostrá-lo onde está o seu poço. Diga a Ele que você está disposto a cavá-lo e a unir a sua fonte com a de seu irmão, para que juntos possam alcançar nações e vidas de pessoas que ainda não conhecem Jesus. Profetize que as águas do seu poço não causarão ciúmes em seu irmão, mas que elas servirão para abençoá-lo e que, assim como você encontrou o seu poço, ele também encontrará o dele. Não perca tempo! Declare ao Senhor que você está desesperado por água, encontre o seu poço e comece imediatamente a cavá-lo”, finalizou.

E, na busca por essa fonte de águas vivas foi encerrada a Conferência Profética Clamor Pelas Nações 2014.
Fotos: Edemias Del Mestre

Nenhum comentário:

Postar um comentário