13 dezembro 2014

DOUTRINAS QUE NÃO PODEM SER COMPROMETIDAS - PARTE I

Em quase todas as áreas “morais” da vida, transigir- ceder é o nome do jogo. Nas universidades seculares, a verdade já não é mais vista como um absoluto que pode ser visado e descoberto.

E, certamente, isto se aplica aos campos da filosofia e da “religião”. A Verdade é aquilo que você fabrica [e diz ser a verdade]. Certo e errado são o que você acha que são. A ética submissa à situação prevalece, quando você tenta encontrar um curso de ação moral. Visto como cada evento tem o seu próprio estabelecimento de circunstâncias, não existem linhas guias de medida para a certeza ou resposta moral.

Tudo isso, é claro, causa um pesado impacto na proclamação da Bíblia de que há absolutos, porque existe um eterno e imutável Doador da Vida, o Qual não muda em Suas justas exigências. De muitas maneiras, as universidades seculares têm ganho a batalha no controle da cultura ocidental. Com nenhum absoluto, acham que as Escrituras certamente não são confiáveis como fonte da moralidade e da verdade eterna! De fato, a Bíblia é vista através dos óculos da falível humanismo. O sobrenatural foi removido de suas páginas. Os profetas e apóstolos foram dirigidos política e misticamente, para fabricarem versões distorcidas da história. A única coisa deixada, na melhor das hipóteses, conforme os humanistas, é uma história incerta, e confusa, nula na  autenticidade e na certeza. Visto como os absolutosforam removidos da arena dos eventos humanos, a racionalização do mundo ficou de cabeça para baixo. O certo se tornouerrado e o errado se tornou certo! Disto emergiu o humanismo, o qual rotulo de “Humanismo Simpático” A simpatia agora é pelo ladrão de banco, que leva um tiro na perna. O homossexual queexibe o seu pecado diante da sociedade recebe quase ilimitada assistência e apoio do governo. A mentalidade de vítima predomina. Ninguém precisa ter responsabilidade pessoal ou senso comum!

A auto-realização e auto-atualização entenebrecem arazão. O que é bom para mim se torna uma força pessoal condutora. Não existe um Deus para responder aos acontecimentos Viver ao máximo agora é a emoção consumista. “Só se vive uma vez!”

“Deguste tudo!” "A vida é curta. Viva intensamente!" Este e outros slogans exemplificam a atitude da cultura moderna para com a vida, a existência e até mesmo para com uma falta de [percepção de] eternidade!

Há 30 anos, Francis Schaeffer, o grande mestre cristão, previu os dias que já chegaram e nos admoestou contra as desastrosas consequências para a Igreja e o Evangelho. Ele escreveu sobre o filósofo Hegel: “Ele abre a porta para o que é característico do homem moderno:

A verdade como verdade acabou … o relativismo [agora] reina. O homem vai manter o seu racionalismo e sua rebelião contra Deus, sua insistência em total autonomia, mesmo que isto signifique que ele deva desistir de sua RACIONALIDADE. (FUGA DA RAZÃO)

Infelizmente, as filosofias da cultura estão invadindo a igreja do Senhor com o seu mortífero efeito. Os que percebem o que está acontecendo devem dar o alarme. Mas eles devem também decidir quais são as verdades que não podem ser comprometidas.

A resposta a isso poderia ser muito simplista em natureza: "Nenhuma, doutrina bíblica pode ser falsificada ou desprezada!”

Mas, por amor ao argumento, este autor fez uma lista de “o mínimo” que devemos manter a todo custo!”

1) OS SERES HUMANOS SÃO CRIAÇÕES ESPECIAIS DE DEUS. AS PESSOAS NÃO SÃO PRODUTOS DE EVOLUÇÃO RESULTADO DO ACASO!

Embora comprimido e abreviado, o registro de Gênesis da criação é real e confiável. Os humanos têm uma relação especial com o seu Criador. Esta falsa filosofia da evolução torna todos os eventos simplesmente acidentais, meros acontecimentos por acaso. "Deus não existe, não existe um plano nem um propósito lógico para o universo”, conforme diz o céptico e o ateu.

A Bíblia afirma a exclusividade da criação da humanidade. O homem foi criado e formado correto, inteligente, capaz de se comunicar, capaz de entender os conceitos morais e capaz de fazer escolhas. Depois que o homem abandonou Deus e pecou,ele foi separado de Deus, tornando-se um filho da ira. Embora

seus poderes racionais fossem manchados, o homem pode conceber e criar maravilhas da tecnologia. Em seu gênio, ele pode edificar arranha-céus. No profundo e maligno recesso do seu coração, ele pode imaginar e fabricar ídolos de madeira, pedra e plástico! Mesmo assim, o Senhor ainda afirma sobre a humanidade como tendo sido criada à Sua imagem e semelhança.

Como uma criatura especial, o homem não pode afirmar ignorância de sua responsabilidade diante de Deus. O homem é tanto moral como espiritualmente um criatura responsável. Ele não pode se esconder por trás da teoria da evoluçãonem de sua “animalidade”. O homem pode conhecer e pode ter um senso de um julgamento futuro e pode reter ou expulsar Deus de sua consciência.

Mas, através de tudo isso, o homem continua sendo uma criatura sob a providencial guarda do seu Fabricante. Deus abençoa,mantém o homem responsável pelos seus atos, tira a sua vida e o conduz a julgamento. Nosso povo, nos bancos das igrejas, não sente suas limitações como criaturas. Ele absorveu o orgulho da vida, próprio da nossa cultura. Ele acredita que está aqui, para sempre, não apenas por um tempo. Desse modo, muitoscrentes em Cristo agem conforme as esperanças e os sonhos do mundo.

Predominam os grandes carros, luxuosas residências,cartões VISA, etc. Ele acha que a psicologia tem as respostas para a saúde emocional, que a igreja é apenas uma necessidade institucional e que é justificado que, na noite de domingo do maior evento desportivo do mundo, o jogo final (chamado de Super Bowl) do campeonato de futebol americano, as igrejas não façam culto de adoração a Deus (que deveria ocorrerno mesmo horário), mas todos seus membros se reúnam para ruidosamente assistir o jogo em telão na cafeteria da igreja.

Mas a Bíblia fala aos cristãos e os lembra que Deusmarcou os dias. Depois que o Pai nos tiver usado, nós vamos adormecer.

Somos como a neblina e a grama que hoje estão aqui e amanhã já se foram. E se Ele quiser, poderemos sobreviver por mais um ano!

Continuaremos amanhã...

Abraços.

Viva vencendo com a Palavra de Deus!!!

Seu irmão menor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário