29 março 2015

APOSTASIA GENERALIZADA NA ALEMANHA


1 - Na Alemanha, não existe idade mínima para sexo legal. E as escolas estão estimulando as crianças a começarem a explorar a sexualidade o mais cedo possível, inclusive a homossexualidade.

2 - Aula de educação sexual já existe quando as crianças estão entre 8 e 9 anos e incluem botar camisinha em um pênis de borracha e assistir a um vídeo com um casal fazendo sexo. O vídeo diz "isso é bom, tentem!"

3- Nas excursões (que são obrigatórias) as crianças são encorajadas pelos professores a fazerem sexo (para explorar a sexualidade).

4 - As crianças são encorajadas a questionar sua orientação sexual e a fazerem contato com um gay ou lésbica pela internet e desenvolverem uma amizade e no fim do ano letivo se encontrarem pessoalmente.

5 - Uma revista do Departamento Nacional de Saúde publicou um artigo encorajando os pais a despertarem a sexualidade das crianças de 2 e 3 anos e permitirem que eles "toquem" os pais intimamente.
Por isso não é de se admirar que os pais crentes estejam desesperados para tirar as crianças das escolas e educarem em casa.

O Agravante é que o governo está perseguindo estes pais porque acham que eles estão privando as crianças da educação e do convívio social. O argumento é que "a família não tem nada a ver com a educação dos filhos".
Eles estão multando os pais. Ameaçando prender e até tomar a custódia das crianças!!!!

Até se não permitir que as crianças vão à excursão eles fazem isto! Mas já pensou mandar nossos filhos para uma excursão em que as professoras mandam as crianças fazer sexo? Mas na Alemanha, excursão é obrigatório!

Ore por eles!

Nos EUA a coisa está feia moralmente, mas pelo menos a opção de educar os filhos em casa existe e está sendo cada vez mais popular e respeitada...

Rodrigo Franklin de Souza
Cambridge, Inglaterra

Nenhum comentário:

Postar um comentário