05 novembro 2016

FUNDADOR DO MOVIMENTO 'CAIR NO ESPÍRITO' DA IGREJA DE TORONTO, AFIRMA 'NÃO SEREM DE DEUS' AS MANIFESTAÇÕES



O pastor americano Paul Gowdy um dos mais antigos líderes de Toronto, depois de treze anos abandonou a igreja e o movimento. Ele classificou a unção do cai-cai, unção do riso e outros movimentos como uma maldição, engano satânico. Segundo Paul, depois que esses modismo invadiram sua igreja, ela se alto-destruiu, com fofocas, mentiras, trapaças e outras. O resultado de tudo isso foram heresias e apostasias, por não amar o Senhor o suficiente para guardar os seus mandamentos. Quando Gowdy começou a suspeitar que demônios estavam se manifestando, o líder disse que importava se eles estavam saindo e não chegando. A gota d'água foi quando o pastor Paul percebeu um demônio agindo na sua própria vida, enquanto ele caia e rolava pelo chão no "poder ". Paul se arrependeu, confessou pediu perdão a Deus e à sua igreja, e hoje é um apologista da verdade.

Paul relatou que em todos esses anos só ouviu uma palavra de arrependimento que passou longe do coração das pessoas. Como ele mesmo diz: "Não estávamos ali para nos arrepender, mas para fazer festa ao Senhor". Ninguém melhor que Paul, para nos advertir. Ele foi um dos precursores e defensores desses modismo em especial a unção do cai-cai. As Igreja Pentecostais no Brasil, maior representante do pentecostalismo clássico no país, tem posicionado contra esses movimentos. E sempre tem ensinado seus líderes, através de suas convenções e por meio de seus veículos de comunicação. O mensageiro da paz na edição de Setembro de 2007, elaborou uma reportagem especial sobre a vida do pastor Paul Gowdy. Extraído do site http:/www.discernment-ministries.org/TheTorontoDeception.htm
Precisamos ensinar a verdade em nossas igrejas. Precisamos influenciar os obreiros para que estudem, e se posicionem a favor da verdade.


Veja os vídeos:




2º Vídeo



Meus irmãos, segue aqui o conselho do apóstolo João: "...não creiais em todo espírito, mas provai se os espíritos procedem de Deus..."(1ª Jo.4:1).

Tomem cuidado, pois 'já muitos enganadores têm se levantado no mundo'.
Somos crentes em Jesus, Sua Palavra deve ser nosso  guia e nada, absolutamente nada que não concorda com a Palavra de Deus, deve ser rechaçado.

Estejam precavidos com esses falsários que, usando o nome de Jesus e com grandes e magníficos templos e toda uma 'produção' mercadológica, fazem da igreja um circo, dos crentes expectadores alucinados e da bíblia, um amuleto.
Fujam desses homens e mulheres.
Fujam desses antros de perdição e heresias, chamados 'igrejas'.
Fujam desses 'milagreiros' que estão 'operando sinais', usados por um espírito maligno de engano, para iludir a massa.

Viva vencendo os mestres, filhos do diabo que, com engando, roubam a pouca fé dos que ainda crêm em Deus!!!

Meu abraço.

Seu irmão menor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário